Nosso peso e nosso cabelo são os dois fatores que mais afetam nossa aparência. Mas essas duas coisas estão mais ligadas do que você imagina. O artigo de hoje fará você repensar a sua dieta.

É natural considerarmos o cabelo como parte externa do corpo, mas esquecemos de que a condição das nossas madeixas depende muito do que ingerimos. Seguir uma dieta pobre em calorias pode levar ao hábito da má alimentação. Restringir a ingestão de calorias imediatamente ativa a perda de peso e também de cabelo.

A dieta Optavia é um desses regimes restritos em calorias que promete uma perda de peso significativa, mas de acordo com clientes que seguiram essa dieta por um tempo, ela possui efeitos colaterais que incluem a calvície. Isso está diretamente ligado à redução dos nutrientes benéficos que são essenciais para manter ciclos capilares regulares.

Qual a relação da dieta Optavia com a calvície?

Quem deseja perder peso pode ter vontade de seguir a dieta Optavia, porque ela parece oferecer um caminho de sucesso para a redução de peso. A dieta Optavia restringe a ingestão de calorias entre 800 a 1.200 por dia durante as primeiras doze semanas, resultando em uma perda de peso considerável. A segunda fase dura seis semanas e deve-se consumir até 1.550 calorias por dia.

Portanto, a Optavia fica entre duas categorias de dietas:

Não há dúvidas de que diminuir a quantidade de calorias que você consome diariamente seguindo alguma dessas dietas pode trazer perda de peso. Isso acontece porque nosso corpo requer uma quantidade considerável de calorias para manter o mesmo peso. Mas quando ocorre a perda de peso, é provável que ela afete os níveis hormonais e cause calvície.

Nesses casos de perda rápida de peso, o cabelo é vulnerável à condição conhecida como eflúvio telógeno (ET). A explicação é simples: diminuir a ingestão de calorias reduz diretamente a quantidade de energia que chega até os folículos capilares para o crescimento de cabelo.

A calvície não ocorre imediatamente depois de perder peso. Pode levar até três meses depois da perda de peso através da dieta Optavia antes do cabeço começar a cair. A condição de calvície nesse caso, ET agudo, não dura mais do que seis meses. Se continuar por mais de seis meses, se transformará em ET crônico.

O que mais pode causar calvície?

A calvície causada pela dieta parece estranha a princípio, mas é algo bem comum. Porém, não é o único fator que pode causar calvície. Outras coisas que devem ser monitoradas são:

Embora a maioria dos casos de calvície aconteçam por conta de fatores genéticos ou ambientais, a alimentação também exerce um papel importante. Ter uma dieta rica em fibras, minerais e vegetais, além de uma rotina adequada de sono, pode ajudar a reduzir a calvície e aumentar a condição do seu cabelo.

Conclusão

Antes de escolher um plano de perda de peso, você deve ter ciência dos nutrientes que pode estar evitando na sua alimentação. Seu cabelo, assim como qualquer outra parte do corpo, precisa de nutrição. Caso contrário, ele pode desenvolver ET ou ET crônico. A falta de nutrientes importantes como proteínas, vitaminas, zinco e ferro entre outras, pode ter um efeito negativo na sua aparência.

A maneira adequada de perder peso sem danificar seu cabelo é escolhendo uma dieta que contenha os nutrientes essenciais para seu cabelo. Se você perceber a calvície depois de seguir uma dieta específica e acreditar que a mudança alimentar foi a causa, procure os especialistas. A Vinci Hair Clinic oferece uma avaliação gratuita para todos os novos clientes. Entre em contato conosco e marque sua avaliação!