Manter seu cabelo em uma condição saudável não é uma tarefa única. É algo que requer nossa atenção e tempo. Adequar uma rotina capilar em nosso estilo de vida ocupado é desafiador.

É melhor encontrar uma rotina que gaste pouco tempo e forneça resultados. Tenha em mente que os cabelos diferem entre si, e o que funciona muito bem para alguém pode não funcionar para você.

Então, encontrar a rotina capilar ideal pode ser desafiador e levar muito tempo. A melhor maneira de fazer as escolhas certas é sempre escutar os dermatologistas e especialistas capilares que lidam com estes problemas diariamente. Este artigo reúne onze dicas para ter um cabelo saudável e bonito.

Dicas gerais de cuidados

Assim como muitos problemas, a primeira coisa que você deve fazer é conhecer mais o seu próprio cabelo para encontrar a solução certa. Sunny, uma cabeleireira profissional, diz que independentemente do conselho profissional, no final das contas, o cabelo é seu e você deve aprender sobre ele o máximo possível. Aqui estão alguns pontos importantes:

  1. Conheça seu tipo capilar

Você estará em uma melhor posição para escolher os produtos certos e métodos capilares adequados se conhecer seu tipo de cabelo. A forma dos seus fios determina qual é o seu tipo de cabelo. Os principais tipos são ondulado, encaracolado, liso ou crespo. Conhecer seu tipo de cabelo te ajuda a diferenciar os produtos capilares. Isso também ajuda na decisão de qual a melhor forma de pentear o cabelo.

  1. Estabeleça uma rotina básica de cuidados

O desejo de ter um cabelo saudável levou à criação de inúmeros produtos capilares, e aplicá-los conforme as instruções pode trazer inúmeros benefícios aos seus fios. Para criar uma rotina capilar eficaz, você deve aprender as ‘regras’ básicas do seu tipo de cabelo. Isso significa aprender a limpar o cabelo e o couro cabeludo, controlar os níveis de umidade e usar as ferramentas apropriadas.

  1. Regule fatores diários que afetam seu cabelo

Todos os dias, vários fatores afetam seu cabelo. Isso inclui estressores ambientais como os raios ultravioletas (UV) e a poluição urbana. Também inclui o dano que você causa ao seu cabelo com seus maus hábitos. Então, se a sua rotina inclui muitas horas gastas sob o sol, usando ferramentas quentes por muito tempo, ou mantendo seu cabelo sempre preso, considere ajustar estes fatores.

Dicas para pentear o cabelo corretamente usando o calor

As ferramentas quentes como a chapinha, baby liss e o secador enfraquecem as conexões de hidrogênio do cabelo, facilitando a mudança da forma dos fios. Entretanto, estudos mostram que o uso excessivo destas ferramentas pode causar a quebra dos fios ou deixá-los ásperos. Então, aqui vão algumas dicas para pentear seu cabelo sem danificá-lo.

  1. Apare o cabelo danificado com frequência

Clay Nielsen, outro estilista, diz que as pessoas geralmente pedem por cortes que diminuam os efeitos colaterais das ferramentas quentes. Os estilistas afirmam que se você danifica a integridade estrutural do cabelo, é quase impossível reverter os danos. Então, ao invés de tentar deixar os fios mais espessos, livre-se dos fios danificados.

  1. Respeite os limites do seu cabelo!

Usar várias ferramentas quentes e produtos não necessariamente melhora seu cabelo. Pelo contrário, usar apenas duas ou três pode beneficiá-lo. Lembre-se que nossos fios capilares também possuem limites, e embora eles aguentem a pressão, também podem quebrar ou ressecar.

  1. Use os protetores capilares

Cochran Gathers afirma que você pode pode levar o cabelo ao limite, se tomar cuidado. Tudo se resume a usar as ferramentas de forma inteligente. Ela sugere limpar ou pentear o cabelo usando um protetor de calor, mantendo a temperatura baixa e moderando o seu uso dessas ferramentas.

Dicas para um cabelo quimicamente processado

Diferentes tipos de cabelos quimicamente processados, desde permanentes até tingidos, possuem uma coisa comum: eles colocam seu cabelo em risco. Embora o uso possa ajudar a obter aquele penteado cobiçado, eles contêm ingredientes que modificam a raiz capilar e a cutícula, e enfraquecem os fios por dentro. O hidróxido de amônia e o peróxido de hidrogênio são os principais culpados.

  1. Converse com um profissional de confiança

Não se apresse para mudar seu cabelo. Tire um tempo para encontrar um profissional que já tenha feito isso no passado. Caso seu estilista não seja experiente, você pode causar dano irreversível ao cabelo. Encontre alguém que não simplesmente aceite todas as suas sugestões, mas que também ofereça conselhos profissionais.

  1. Seja paciente com transições

Mudar de um cabelo quimicamente processado para um cabelo natural requer tempo e algumas sessões. Se você deseja mudar para cachos naturais, há mais de uma maneira de fazer isso. Você pode alterar um pouco durante o processo de crescimento, ou cortar as partes alteradas. Antes de proceder, certifique-se de esperar até que o cabelo tenha crescido.

  1. Mantenha-se hidratado

Cabelo tratado com produtos cosméticos, em particular o cabelo quimicamente tratado, resseca com o tempo. Quando você tratar dele, estará criando buracos na sua cutícula, que fazem com que a água se evapore dos fios, deixando o cabelo ressecado. Hidrate-se com frequência e use máscaras de condicionamento profundo ao menos quatro vezes por semana.

Dicas para um crescimento capilar regulado

Com frequência, focamos nos métodos de crescimento capilar que prometem resultados excepcionais. Entretanto, não faz sentido deixar o cabelo crescer se você não cuidar dele da forma correta. Nossas duas últimas dicas são dedicadas à manutenção de um cabelo saudável.

  1. Massageie seu couro cabeludo regularmente

“Enquanto usar o xampu, massageie o couro cabeludo para manter a circulação sanguínea, aliviar o estresse, e estimular os folículos capilares. É o melhor a ser feito.” Diz o estilista capilar Mike Branch. Aumentar a circulação sanguínea para o couro cabeludo significa que mais oxigênio e nutrientes possam circular, encorajando o crescimento dos folículos capilares.

  1. Teste diferentes suplementos capilares

Receber todos os nutrientes necessários para um crescimento capilar saudável através da alimentação é algo pouco realista. Nosso cabelo requer aminoácidos, antioxidantes e vitamina D3, nenhuma das quais são encontradas em quantidades decentes dos alimentos que consumimos. Os suplementos com esses ingredientes podem restaurar o seu cabelo.

Conclusão

Quase ninguém tem um cabelo perfeito. O estresse, o uso errôneo de ferramentas quentes, ou produtos mal aplicados podem danificar o cabelo. Cuidar bem do cabelo não é difícil. Artigos bem informados como este podem indicar a melhor forma de elaborar uma rotina capilar.

E se você não tiver tempo de procurar na internet e ler centenas de artigos? A Vinci Hair Clinic possui uma ampla equipe de especialistas capilares que podem lidar com seus problemas capilares ou com restauração capilar. Entre em contato hoje e marque uma avaliação gratuita!