Bem-vindo à Vinci Hair Clinic!

  • Português
  • Português

Será que o excesso da sua bebida favorita pode causar calvície?

Todo mundo gosta de um drink, certo? Bem, talvez nem todo mundo. De acordo com a Pesquisa Nacional Epidemiológica sobre o Álcool e Condições Relacionadas (NESARC em inglês), 30% dos cidadãos dos Estados Unidos não bebem álcool. No Reino Unido, os números compilados pelo Centro de Estatísticas Nacionais mostra que 20% da população adulta não bebe.

Isso ainda deixa um grande número de pessoas que gostam de beber álcool. A maioria sabe das vantagens e desvantagens desse hábito. Sabemos do prazer de compartilhar alguns drinks com amigos, mas também sabemos das consequências negativas sociais e para a saúde do excesso de álcool. E poucos sabem que o álcool pode fazer mal para seu cabelo. Leia mais para descobrir o motivo!

O que é o álcool?

O álcool existe há milhares de anos em diversas culturas diferentes. Em termos químicos, é uma substância psicoativa. Isso simplesmente significa que ele afeta o cérebro e altera o comportamento da pessoa. É claro que você já sabia disso; o único motivo das pessoas ingerirem o álcool é pela sensação de alteração de humor. O álcool deixa qualquer pessoa menos tensa, ajudando no relaxamento.

Essa é a versão bondosa do álcool. Como todos sabemos, ele possui um lado muito mais escuro. A verdade é que se o álcool tivesse sido descoberto hoje, provavelmente seria classificado como uma droga de Classe A e tornado ilegal. Esse debate deve ser feito em outro momento. O que estamos analisando é o efeito do álcool no seu cabelo.

Completamente inútil

O que diferencia o álcool da maioria dos alimentos e bebidas é que ele não possui nenhum valor nutricional. As calorias contidas são absolutamente inúteis, a menos que você queira ganhar peso; de grama em grama, o álcool contém quase tantas calorias quanto a gordura pura. E ainda piora. Além de não contribuir em nada nutricionalmente, ele também pode afetar aquilo que faz bem para nós. E ele faz isso inibindo os esforços do corpo de absorver os nutrientes de outros alimentos. Nutricionalmente, o álcool é mais inútil do que nada. Isso é uma má notícia para sua saúde no geral, e mais especificamente, para seu cabelo.

Desnutrição

Um cabelo saudável e espesso não acontece por acidente. Ele é o resultado de uma combinação de bons hábitos capilares e uma dieta saudável. Seu corpo precisa de certos nutrientes para crescer o cabelo e substituí-lo quando ele cai. Os ácidos graxos de ômega-3, por exemplo, são importantes para o crescimento e o brilho. Eles não são produzidos naturalmente pelo corpo, então precisam vir de alimentos como cavalinha, sardinha e salmão. O ferro também é essencial para o crescimento capilar e pode ser encontrado em cereais, grãos, soja e carne. O ácido fólico e várias outras vitaminas estão ligadas ao crescimento capilar, conforme diversos estudos.

É a absorção destes nutrientes que é mais afetada pelo álcool, e a falta desses mesmos nutrientes podem levar à desnutrição e calvície.

Desidratação

O outro efeito adverso do álcool é a desidratação. O álcool é diurético, o que significa que ele faz você urinar muito mais do que se bebesse a mesma quantidade de água. O consumo regular de álcool faz com que a pessoa esteja sempre desidratada. Com o tempo, isso pode resultar no ressecamento dos folículos e na ocorrência do afinamento capilar. A desidratação também pode deixar o cabelo quebradiço, além do desequilíbrio de eletrólitos que produzem níveis altos de ácidos no sangue. Esse alto nível de acidez está associado com o aumento da calvície.

Etapas corretivas

Se a sua ingestão de álcool está afetando negativamente seu cabelo, existe uma boa notícia: é possível resolver. Um programa de boa alimentação e melhor hidratação deve restaurar seus fios dentro de algumas semanas. Mas isso não vai acontecer a menos que você modere o consumo de álcool. Esse é o primeiro e mais importante passo para remediar a situação.

Conclusão

O álcool pode ser um dos prazeres da vida, contanto que você esteja no controle do seu hábito. Mas assim como tudo o que você consome, possui suas implicações para a saúde e para o cabelo. Embora existam poucas evidências sugerindo que o consumo moderado de álcool afeta diretamente o cabelo, ele pode ter um impacto indireto. Entender isso pode te ajudar a manter um relacionamento correto com o álcool, e seu cabelo em boa condição.

A Vinci Hair Clinic pode ajudar se você estiver preocupado com seu cabelo. Somos uma das líderes em restauração capilar no mundo, com uma vasta gama de tratamentos e procedimentos. A Vinci oferece uma avaliação gratuita e sem compromisso para todos os novos clientes. Entre em contato e marque sua avaliação hoje!